terça-feira, 24 de abril de 2012

Menos é Mais

Quando andava faminta por sexo (não que não esteja agora haha) procurando meu marido toda noite e me mostrando desesperada para ter sexo com ele o tempo todo as coisas não estavam fluindo muito bem. O sexo não acontecia sempre que eu queria e isso me frustrava, a qualidade estava muito abaixo do idealizado pela ISO BR 9001 e isso me frustrava e ele não demonstrava mais vontade alguma e se frustrava também. Nas últimas semanas dei uma acalmada, acho que nos últimos dois meses, por aí. Resolvi deixar de lado, fiquei mais quieta, dormi cedo, não toquei no assunto e nem tentei seduzi-lo e noite que quando eu fico na minha, após uma semana mais ou menos, o menino fica mais sensível, isto é: Encosto nele, um abraço carinhoso e o pau já endurece, daí encosto de leve sobre a bermuda e ele respira ofegante, e acaba caindo em cima de mim com mais gosto. Fui reparando essa situação e resolvi continuar na minha para ver se era coincidência ou se ele realmente fica mais animado se ficar na seca e foi batata. Uma semaninha sem rolar nenhuma provocação da minha parte ele fica duro só de esbarrar em mim, me come com mais satisfação, o tesão fica mais forte e isso é notório.
Então decidi que prefiro uma vez por semana mas com muita vontade do que a semana inteira sexo robótico. Tem gente que tem uma libido mais forte e que todo dia sente o mesmo tesão (tipo eu) mas tem outras pessoas que não são tão intensas sexualmente e tem um tempo mais devagar para essas coisas, como o meu marido, e isso não significa que ele não tenha mais tesão em mim. O que eu acredito é que ele sempre foi assim, mais fechado e com uma libido mais preguiçosa mas como viu em mim uma oportunidade de vivenciar uma vida sexual que ele jamais tinha tido, se jogou de cabeça para conhecer essa vida e ligou a tomada nos 220 V, mas tão logo provou todas as coisas que quis, ficou satisfeito e retornou para os 110 Volts e eu demorei a enxergar isso, achava que o problema era eu, que ele não sentia mais tesão por mim mas hoje acho que não é nada disso, acho que desvendei o rapaz e isso me deixou mais em paz. Ontem ele me devorou deliciosamente e se é pra te-lo desse jeito, esperarei até o próximo final de semana (ou depois) com calma porque se preocupar com quantidade é coisa de adolescente, eu quero o MEU homem e quero qualidade.


... Mas claro que adoraria que ele se abrisse para o mundo sexual e resolvesse experimentar mais de tudo que uma vida sexual ABERTA pode proporcionar mas não dá pra ter tudo na vida não é mesmo??

18 cuspiram:

Anônimo disse...

BR...

Não sei onde encontro mulheres como vc... rs...

Cara... sei lá se procuro nos lugares errados... mas quase todas q topei em minha vida eram de uma normalidade insuportável... as poucas q superavam essa normalidade tinham algum outro problema grave... rsrs

Bjs

Duke

Anônimo disse...

Bem Resolvida, passo mais ou menos pela mesma coisa, so que claro sendo o oposto!
Sou louco em sexo, as vezes tenho que parar pelo fato de minha namorada literalmente ficar assada...
Assim sendo, uma vez ou outra, fico mais tranqüilo, não procuro tanto. Ai quando ela vem, vem com muito, mas muito mais tesão!

Virei seguidor do BLog
Beijooo

Juninho.O

~^~ Lena Lopez ~^~ disse...

Oi Resolvida!
Estive lendo o teu blog, esta e outras postagens e parece-me que existe um bloqueio entre vc e o teu gato. Não sou terapeuta e nem tenho a preseunção de querer ser ou emitir uma opinião, mas acho que o caminho certo você está fazendo, insistir e não desistir!
Uma hora quem sabe, vc acha o gatilho e desperta ele!
BJOS
Lena

Eros disse...

Que encontres o gatilho do desbloqueio bem rápido e de forma deliciosa!

O Santo disse...

Olá,

Olha tenho o mesmo problema com a minha namorada.

O sexo robótico começa a acontecer quando transamos com mais frequencia.

Ao contrário, quando nos vemos pouco o sexo é muito mais intenso (sábado passado, por exemplo, pensei que ia ter um ataque do coração, parecia que ia arrebentar meu peito!).

Acho que isso decorre da rotina. Normal.

Bjos

Anônimo disse...

Olá, acho você incrivelmente bem resolvida.
Mas me diga uma coisa: o nerd sabe desse seu blog e das postagens no PD?
Bjs.

don luidi disse...

Então, eu também tenho um apetite sexual quase incontrolável. Por diversas vezes fico imaginando fazendo sexo com alguma mulher que vi no ônibus. Mas, ultimamente, com a primeira dama, também tenho dado um tempo, e quando acontece, soltam brasas para todo o lado. A qualidade sempre em primeiro lugar.

Gauchinha Ardente disse...

Eu concordo com tudo que foi dito até aqui, desde o post até os comentários....
SÓ QUE EU FAÇO TUDO AO CONTRÁRIO... Hi...Hi...Hi...É que eu não consigo passar um mísero diazinho sem dar uma gozadinha...
BR... sua linda! Estava desaparecida guria... Folgo em saber que estava transando gostoso no feriadão e em toda a sua merecida plenitude! BEIJOS... BEIJOCAS... E BEIJÕES!

Bem Resolvida disse...

eu tbm penso e quero o tempo todo mas tenho que tentar seguir o ritmo dele, né..pq já noite que ele não aguenta seguir o meu e ficar os dois tão sem sintonia em diferentes ritmos não tem funcionado. rs

e sumi pq ele tem estado em casa, era feriado...e minha filha tava dodói, ficou em casa durante a semana...aí não dá pra entrar :P

Gauchinha Ardente disse...

BR... eu queria só 5 minutinhos contigo...
Não 10... 15, 15... 20?
Meia horinha e não se fala mais nisso...
Uma hora pra dar conta de tu inteira!
Um dia e vou aí de avião...
Rola uma semana?
Um mês e eu nem enjôo...
Casa comigo?
Merda! Como eu fico indecisa, as vezes...

aldrey disse...

Eu tbm acho que qualidade vale bem mais que quantidade!!bjssssssss

Tara Flux* disse...

Oi delicia!

Bom, eu acho que quando se esta junto se faz consessões, mas vc nao acha que 1 vez por semana é muito pouco, nao? Ainda mais casados. Estava lendo uns textos seus de 2008 e como as coisas mudaram, nao? Já tentou conversar com ele pra saber o que mudou?

Falo porque como vc disse no post eu sou louca em sexo tb e se o cara nao me acompanha, fico frustrada e boto a fila pra andar. Não da pra ficar se segurando, ficando na vontade. Aé pq, eles podem nao notar, mas outros homens nos notam, notam nosso sexo a flor da pele pelo simples olhar e uma hora acaba dando ruim.

Ahhh, o layout novo tá LINDO! A sua cara!

Beijoselambiidas, Flux!

O Santo disse...

Ahahaha, pois foi estranho. Naquele dia ela se empolgou logo no início pra chupar, mas eu simplesmente não estava pensando em ser chupado! Acontece.

:)

Dil Santos disse...

Oi menina, tudo bem?
Concordo com vc, é melhor ter uma transa q é A transa, do que ter várias transinhas meia boca kkkk
E quando bater a vontade, nada que um brinquedinho ñ resolva, ao menos em parte né? kkkkkkkk
Eu tô tentando não captar tanto assim os problemas alheios, mas por eu gostar de ajudar, acaba sendo uma missão meio difícil de se cumprir, rsrs
Bjo menina

Verônica disse...

Como fico contente em saber que vcs se entenderam...Cada um tem um ritmo mesmo, mas acho que o teu sacrifício tá valendo a pena...

O importante é o sexo acontecer porque deu vontade. é muito mais gostoso.

Que as semanas passem rápido e as horas a dois passem lentas.

beijão!

Fred disse...

Isso é bem complicadinho mesmo... mas acho que todo mundo tem seu tempo, sua velocidade e - claro - sua voltagem... hehehe! O lance é achar o compasso... hehe!
E querida: banner já pra vc! E entrevista? Onde? Quero ler? Pode? Hehehehehe! Bjones!

silvioafonso disse...

.


Aqui em casa existe sintonia.
Quando um começa a falar man-
so demais, já sabe; Tem jogo.
Tem vez que até parece casa
de usuário de crack; tanto é
mole a falação. Então...
Pois é.

Gostei das histórias e dos
comentários de cada um.

Beijos, tô te seguindo.

silvioafonso






.

Conde Vlad disse...

BOOOOOOOOOOA MULHER... Encontrou o Timing certo. rsrs... Fico feliz por tí. Quando a ele se abrir para uma vida mais aberta, bom, quem sabe você não descobre o Timing de como fazer isso se tornar realidade? Vai que ele tem um fetiche aí e esteja com vergonha de contar para tí. Enfim... com o tempo as pessoas vão se tornando mais maleáveis.

hoje em dia a média de casais que entram para a vida liberal, beira os 20 anos de casado ou mais. Dê tempo ao tempo e a vida certamente há de lhe apresentar as condições exatas para que tais eventos aconteçam.

Beijão do Conde.